Faltam especialistas: Apenas 0,6% dos médicos brasileiros é reumatologista
A Reumatologia não está entre as especialidades mais escolhidas pelos brasileiros e ainda está muito longe de ser uma área popular entre a comunidade médica. Segundo a pesquisa demográfica realizada pelo Conselho Federal de Medicina em 2015, o Brasil tem apenas 2.053 reumatologistas, um número bastante inferior ao de pediatras, por exemplo, que chega a 34.637 especialistas.
Ter apenas 0,6% de médicos especializados em Reumatologia é um dado preocupante, se considerarmos que, a cada ano, a procura por reumatologistas aumenta. Contrariando o que muitos ainda acreditam, as doenças reumatológicas não são exclusividade de pessoas idosas, e essas patologias podem afetar a todos e até mesmo a crianças.
Felizmente, hoje em dia já sabe da importância de visitar o reumatologista cada vez mais cedo. Quanto antes for a intervenção, melhores serão as perspectivas de preservar as estruturas das articulações e maiores serão as chances de remissão.
Mas, para que Saúde esteja preparada para esses desafios, é necessário que o Brasil forme mais médicos especializados na área. Para a preparação profissional, o graduado de Medicina pode escolher entre a Residência Médica ou a pós-graduação. Lembrando que essa última deve ser seguida de uma prova de título perante a Sociedade Brasileira de Reumatologia (SBR).
A POSFG, objetivando capacitar o médico para o exercício da Reumatologia, oferece seu curso de Pós-Graduação Latu Sensu, com disciplinas voltadas ao estudo das doenças do tecido conjuntivo, articulações e doenças autoimunes.
Ligamos para você!
0800 600 3720
Central de Matrículas
X
Nós ligamos para você!
Whatsapp