[ENTREVISTA] Professora diz que profissionais precisam ter visão multidisciplinar da Saúde da Mulher — POSFG | O Portal da Pós-Graduação

A saúde da mulher envolve temas complexos que vão além de questões físicas. Mais do que anatomia e biologia, noções de direitos humanos e cidadania também precisam ser levadas em conta na hora de tratar da saúde feminina.

O curso de Saúde da Mulher da POSFG preza por uma visão multidisciplinar de diversos profissionais, como psicólogos, médicos, enfermeiros, assistentes sociais, etc.

Para compreender o mercado de trabalho, entrevistamos a Profa. Simone Leite, docente da pós-graduação. Confira:

[POSFG] A pós-graduação em Saúde da Mulher tem o diferencial de ser multidisciplinar. Qual a importância deste entrosamento entre diversos profissionais da saúde para o tratamento da paciente?
[PROFA.] É de suma importância, pois possibilita o trabalho em equipe e isso contribui demais para que a assistência a mulher seja de qualidade.

[POSFG]  Como o Brasil lida com a questão da saúde da mulher atualmente? Existem políticas públicas direcionadas para este fim?
[PROFA] Existem, mas são ainda voltadas para o atendimento curativo e para  questões ligadas mais ao físico .

[POSFG] Quais os principais problemas enfrentados pelas mulheres no atendimento de saúde?
[PROFA.] Os problemas maiores são profissionais que a atendem como seres reprodutivos e que os orgãos sexuais são prioritários em relação às questões emocionais e de relação com a sociedade, ambiente.

[POSFG] Com o conhecimento técnico que a senhora tem desta área, caso houvesse mais investimento em políticas públicas para as mulheres, muitas doenças poderiam ser evitadas?
[PROFA] Com certeza se as prioridades fossem a prevenção e a promoção da saúde.

[POSFG] Como o profissional pós-graduado nesta área pode ter uma ascensão profissional? Existe aderência para estes no mercado de trabalho?
[PROFA] Claro que sim pois será um deferencial em relação as demais formações.

[POSFG] Por que a senhora indica a pós-graduação em Saúde da Mulher da POSFG?
[PROFA] Será uma oportunidade de ampliarmos a  visão em relação a mulher, pois são inúmeros fatores que poderiam contribuir com uma visão mais ampla sobre a saúde da mulher.

Profa. Simone Leite
Ligamos para você!
0800 600 3720
Central de Matrículas
X
Nós ligamos para você!
Whatsapp