Patologias cardiovasculares são a principal causa de mortes no mundo

No Brasil, as doenças cardiovasculares têm sido a principal causa de mortalidade da população, e a Hipertensão Arterial Sistêmica (HAS) é a mais frequente dessas patologias. Também é o principal fator de risco para as complicações mais comuns como acidente vascular cerebral e infarto agudo do miocárdio, além da doença renal crônica terminal. No País o número de portadores de hipertensão arterial é crescente, seu aparecimento está cada vez mais precoce e estima-se que cerca de 4% das crianças e adolescentes também sejam portadoras. A carga de doenças representada pela morbimortalidade devida à doença é muito alta e por tudo isso a HAS é um problema grave de saúde pública no mundo.

Por ser na maior parte do seu curso assintomática, seu diagnóstico e  tratamento é frequentemente negligenciado, somando-se a isso a baixa adesão, por parte do paciente, ao tratamento prescrito. Estes são os principais fatores que determinam um controle muito baixo da HAS aos níveis considerados normais em todo o mundo, a despeito dos diversos protocolos e recomendações existentes e maior acesso a medicamentos.

A rápida evolução da Cardiologia faz com que os médicos busquem a atualização contínua, participando de congressos, convenções e minicursos. Por esse motivo, estar em constante aperfeiçoamento se torna importante para o profissional, pois no último ano foram publicadas novas diretrizes em relação ao tratamento de dislipidemias, fibrilação atrial e hipertensão arterial.

Visando isso, a POSFG lançou o curso de Atualização em Cardiologia, que terá em seu primeiro módulo o tema “Fatores de risco (Hipertensão Arterial Sistêmica – HAS, Diabetes Melitus – DM e Dislipidemia) ”, com o objetivo de atualizar o profissional para o diagnóstico e conduta em relação aos principais fatores de risco cardiovasculares e estratificação de risco dos pacientes. A primeira etapa da capacitação acontecerá nos dias 21 e 22 de maio, em São Paulo.

Mais informações podem ser conferidas aqui e as inscrições podem ser feitas pelo 0800 600 3720 ou ainda pelo e-mail [email protected]

Fonte: Ministério da Sáude

Ligamos para você!
0800 600 3720
Central de Matrículas
X
Nós ligamos para você!
Whatsapp